Arequipa – Confira 7 pontos turísticos da cidade peruana!

Arequipa
America do Sul,

Arequipa – Confira 7 pontos turísticos da cidade peruana!

Arequipa é a segunda maior cidade do Peru em número de habitantes e também é conhecida como a “cidade branca”, pois a maioria das paredes das casas no centro histórico são desta cor.

Completamente rodeada de vulcões, que servirão de pano de fundo a quase que todas as suas fotografias, a cidade de Arequipa também é um ponto de partida perfeito para visitar o Cânion Conca e chegar a Puno para visitar o Lago Titicaca.

Estando então a uma altitude de 2.335 metros, Arequipa é ideal para se acostumar com as montanhas antes de ir a altitudes mais elevadas, como a de Cuzco, a 3.399 metros acima do nível do mar. Nesse conteúdo, vamos mostrar os 7 pontos turísticos mais interessantes da cidade de Arequipa, no Peru. Leia conosco e monte seu roteiro!

1. Plaza de Armas

Plaza De Armas
Plaza de Armas

Plaza de Armas é a praça central e o coração pulsante de Arequipa. É de uma beleza ímpar, ainda mais encantadora pela Basílica da cidade e pelo vulcão El Misti ao fundo.

Situada no centro histórico, é aqui que a cidade nasceu em 1540 e depois se desenvolveu lentamente. Em três lados é tudo rodeado por grandes arcadas de granito e no estilo neorrenascentista típico da arquitetura colonial.

Arequipa está rodeada por pubs e bares, onde pode parar para tomar uma bebida refrescante e ver o movimento da praça a qualquer hora do dia. É o ponto perfeito para começar a conhecer Arequipa e um ponto a ser tomado como referência para todos os movimentos e as diferentes atrações da cidade.

2. Catedral de Arequipa

A Catedral de Arequipa tem vista direta para a Plaza de Armas e é o principal edifício de culto católico da cidade. A primeira catedral foi construída em 1540, assim que Arequipa foi fundada e pedras vulcânicas foram usadas para as fundações e paredes de tijolo.

Infelizmente, ao longo dos séculos a Catedral de Arequipa foi destruída por terremotos, incêndios e erupções vulcânicas e por isso foi alvo de inúmeras obras de recuperação ou reconstrução, como de 1844 a 1847.

O terremoto de 2001 causou mais danos à catedral, mas o trabalho começou imediatamente e resultou no que ainda podemos ver hoje. Hoje também abriga um museu em Arequipa, com uma coleção de vários objetos religiosos e pinturas. O museu está aberto de segunda a sábado, das 10:00s às 17:00s.

3. Mosteiro de Santa Catalina

Arequipa
Mosteiro De Santa Catalina

O Mosteiro de Santa Catalina em Arequipa é uma das atrações mais visitadas e apreciadas pelos turistas, e você irá reconhecê-lo imediatamente por uma característica que o distingue do resto da cidade de Arequipa: a cor vermelha das paredes externas. Outra característica dele também o impressionará, assim que você entrar: o grande silêncio que existe em sua parte interna.

O mosteiro é um convento de freiras pertencentes à ordem de Santa Catalina de Siena, que fizeram um voto de silêncio vitalício. Foi parcialmente destruído por um poderoso terremoto (como muitas outras partes da cidade), então o que vemos hoje é o mosteiro parcialmente restaurado.

Duas noites por semana, quarta e quinta, o mosteiro permanece aberto algumas horas após o pôr do sol e você pode participar de uma visita noturna realmente interessante. O caminho é iluminado apenas por velas, lamparinas e lareiras.

4. Museu Santuarios Andinos

O Museu Santuarios Andinos, no centro de Arequipa, foi fundado para preservar o corpo congelado de uma jovem de menos de 14 anos que viveu sua curta vida há cerca de 500 anos.

Trata-se da famosa Juanita, cujo corpo foi encontrado em uma geleira dos Andes e que, graças ao gelo, se manteve perfeitamente preservado intacto em Arequipa. Os Incas escolheram jovens virgens, entre 12 e 14 anos, oriundas das famílias mais nobres, para oferecerem em sacrifício aos deuses para apaziguar a sua ira e lhes pedir que o vulcão não explodisse.

As vítimas do sacrifício tiveram que subir ao cume da cordilheira dos Andes, a uma altura de 6.200, beberem uma bebida chamada “chicha”, que os atordoou e os fez adormecer, apenas para serem mortos com um golpe na cabeça.

Ser escolhido foi considerado uma grande honra. O corpo fica exposto em uma sala muito fria de maio a dezembro, enquanto de janeiro a abril é armazenado em outra sala para evitar sua deterioração.

5. Iglesia e Claustros de La Compañía

Arequipa
Iglesia e Claustros de la Compañía

A Iglesa de La Compañía é uma igreja jesuíta construída em Arequipa e cuja construção começou no ano de 1590. Mas, entre um problema e outro, só foi concluída em 1698.

É um dos melhores exemplos da arquitetura mestiça de Arequipa: a fachada, tipicamente barroca, possui decoração que combina influências do colonialismo e da cultura sul-americana. O material usado é a pedra das pedreiras do vulcão Misti.

Perto da igreja está o Claustros de La Compañía de Arequipa. O complexo é constituído por um claustro maior, um claustro menor e um pátio. O Claustro Principal é constituído por uma única planta, onde existem grandes arcos totalmente decorados. Nos claustros menores, no entanto, é possível encontrar pequenas lojas, barracas e escritórios de diversos comércios.

6. Mercado San Camilo

Quer se aproximar e conhecer o máximo possível das tradições e a cultura dos habitantes de Arequipa? Não há lugar melhor do que o mercado local.

Aqui você pode ver como é o dia a dia, saborear os produtos típicos, conhecer a culinária local e comprar alguns souvenirs para levar para casa. Em Arequipa recomendamos o Mercado San Camilo, no centro histórico.

Lá dentro você realmente encontra de tudo: carnes, peixes, frutas e verduras, muitos temperos, tecidos coloridos, objetos diversos. Prove uma das deliciosas frutas e se jogue no caos que caracteriza o lugar.

7. Bairro e mirante de Yanahuara

Arequipa
Bairro e Mirante de Yanahuara

Yanahuara é um lindo bairro de Arequipa, na margem oposta do Rio Chilli do centro histórico. Muitas vezes é referido como o bairro espanhol, graças à forte influência do país. Ao caminhar pelas ruas estreitas, mantenha o olhar erguido para admirar as belas fachadas em estilo colonial.

O ponto central e de encontro da área é a Plaza de Yanahuara em Arequipa, com vista para a Igreja de San Juan Batista de 1750 e muitos lugares para parar e beber algo refrescante ou uma pausa para o almoço relaxante. Mas a verdadeira atração desta praça é outra: o Belvedere.

Lá, você pode admirar uma bela vista de Arequipa e do vulcão Misti. Na sexta-feira vira praça de feira, com todo o tipo de frutas e verduras e, na praça embaixo do mirante, você encontra muitas barracas de souvenirs.

Esse foi o nosso guia/roteiro de dicas para que você possa aproveitar tudo que há de bom e interessante em Arequipa, no Peru, um país incrível e que merece a sua visita. Esperamos ter ajudado você. Até a próxima!

Translate »