Argentina entra em confinamento total pelos próximos 9 dias

Confinamento Total Na Argentina
Geral,

Argentina entra em confinamento total pelos próximos 9 dias

A Argentina foi um dos países que melhor lidou com a curva de contágio da Covid-19 logo no início da pandemia, tudo isso devido ao seu confinamento total desde o início da chegada do vírus na América do Sul.

Mas, isso acabou resultando em outros problemas, como maiores complicações para uma economia que um dia já foi a segunda maior de toda a América, e agora acaba sendo ainda mais fragilizada devido a ações para conter a doença.

Comércio fechado, moeda desvalorizada, taxa de desemprego e pobreza aumentando e falta de comida na mesa, mas com pouco contágio, essa era a realidade da Argentina no início da pandemia.

Mas, o diferencial do momento é que as coisas se perderam, devido a não possuir a imunidade de rebanho logo no início da pandemia, o país sofre com severos resultados da doença em seu território: é um dos países coma maior taxa de letalidade da doença em toda a América.

Leia conosco e entenda melhor:

Confinamento total na Argentina

Entenda Melhor Sobre O Confinamento Total Na Argentina
Entenda melhor sobre o confinamento total na Argentina

Conforme mencionado, a Argentina, estado parceiro do Brasil no Mercado sul e vizinho de alguns estados brasileiros, entrará em confinamento total amanhã, dia 22/05/2021.

Dessa forma, somente serviços essenciais funcionarão, deixando de lado serviços não essenciais, como o comércio que move a economia do país, que já está bem quebrada.

A ação foi tomada com base na nova onda de Covid-19 que chega ao país e aumenta a curva de contágio da população, essa mesma população que não sabe mais o que é pior, não ter dinheiro para comprar comida ou se contaminar com a doença.

O presidente argentino, Alberto Fernández, anunciou nesta quinta-feira (20) um confinamento total de nove dias, pois o país “atravessa o pior momento da pandemia” de covid-19, com registro diário de cerca de 35 mil casos e 450 mortes.

“A medida entrará em vigor de zero hora de 22 de maio à meia-noite de 30 de maio”, declarou o presidente em um pronunciamento na televisão.

População reivindica comércio aberto

População não está de acordo
População não está de acordo

Apesar de no começo da pandemia o presidente argentino Alberto Fernandéz ter sido muito elogiado em solo brasileiro por quem defendia o fechamento do comércio para contenção do vírus, não é o mesmo que acontece com a população local.

Conforme mencionado, o país passa por uma das maiores crise, se não a maior, de toda a sua história.

A moeda se encontra em seu pior momento, sendo que muitos trabalhadores locais aceitam o dólar como moeda oficial de turistas brasileiros e também de outros países.

Moeda Desvalorizada
Moeda desvalorizada

Dessa forma, a taxa de desemprego aumentou substancialmente, empresas estão saindo do país deixando cada vez mais pessoas desempregadas, o preço da comida aumentou e a população está cada vez com menos dinheiro.

O resultado dessa combinação já sabemos: é algo desastroso.

Assim, vários habitantes de cidades diversas da Argentina vão as ruas reivindicando a abertura dos comércios, sejam donos de seus próprios negócios ou então para trabalhar como empregado.

Além das manifestações, que estão se tornando cada vez menos pacíficas, surgem também os panelaços à noite, geralmente durante cada pronunciamento oficial do presidente da Argentina na televisão.

E as fronteiras?

E As Fronteiras
E as fronteiras?

Conforme mencionado, tudo estará fechado até dia 30 deste mês, seja por fronteira terrestre ou aérea, nenhum turista conseguirá entrar no país até que a data chegue.

O que piora ainda mais a situação econômica e social do país por 2 principais motivos: o setor de turismo, muito forte no país, acaba enfraquecido, junto do segundo motivo, o setor aéreo cada vez mais enfraquecido.

Em países como o Brasil, grandes corporações já se estabeleceram novamente, como a Latam, ainda que em passos lentos. Já na Argentina, pouco se sabe sobre quando as coisas ficarão novamente tranquilas no setor, visto que a qualquer momento um novo decreto de confinamento total pode surgir.

Vai viajar para a Argentina?

Vai Viajar Para Argentina
Vai viajar para a Argentina?

Está preparando a sua viagem para a Argentina e não sabe qual o momento certo para viajar? A nossa dica é que aguarde um pouco.

Conforme mencionado, segundo o presidente do país, a nação passa por uma nova curva de contágio bem acentuada, sendo considerada a pior do país desde o início da pandemia.

Dessa forma, provavelmente o tempo necessário até que a normalidade se estabeleça seja maior do que o que vimos até então. Portanto, é bem provável que ao final desse período de confinamento total, um novo surja, e assim por diante.

Converse com sua agência de viagens e solicite o reembolso de sua passagem ou então a realocação da data, para que assim você não perca seu dinheiro gasto nas passagens.

Converse Com Sua Agência De Viagem
Converse com sua agência de viagem

E então, qual a sua opinião sobre o confinamento total na Argentina decretado pelo presidente? Ficou alguma dúvida em relação ao conteúdo que trouxemos hoje? Conte a nós, comente abaixo!

Até a próxima!