Cuenca – Confira 7 atrações da 3ª maior cidade do Equador!

Cuenca Ecuador
America do Sul,

Cuenca – Confira 7 atrações da 3ª maior cidade do Equador!

Cuenca é a terceira maior cidade do Equador em número de habitantes e está localizada dentro da Serra, parte da Cordilheira dos Andes, a 2.450 metros acima do nível do mar.

Possui um encanto particular, dado pelo território acidentado e agreste em que se encontra e pelo seu centro histórico colonial, em excelente estado de conservação, que foi premiado com o título de Patrimônio Mundial pela UNESCO.

Para que sua viagem seja bem planejada, preparamos um conteúdo que vai ajudar a você a montar o seu guia, com os 7 melhores locais para conhecer em Cuenca. Leia conosco e confira todos os detalhes da cidade!

1. Catedral da Imaculada Conceição

Cuenca
Catedral da Imaculada Conceição

A Catedral da Imaculada Conceição está localizada na praça central de Cuenca e é verdadeiramente impressionante: com três cúpulas azuis, pode ser reconhecida de todos os cantos de Cuenca.

É a maior catedral da América do Sul. Sua construção começou em 1885 e durou mais de um século, a partir do projeto original de Stiehle, um monge de origem alemã.

O edifício principal é forrado de alabastro, enquanto as cúpulas acima dele são cobertas com azulejos azuis e brancos, que foram trazidos especialmente da extinta Checoslováquia.

  • Como chegar: localiza-se no centro, junto à Plaza de las Flores. A parada da linha de ônibus fica a 400 metros de distância;
  • Horários: todos os dias das 08:00hs às 19:00hs.

2. Avenida Mirador de Turi

É uma longa caminhada em aclive, que pode ser feita a pé para os mais treinados ou de táxi, para chegar ao topo do morro do Mirador de Turi e de lá avistar toda a cidade de Cuenca. É verdadeiramente um miradouro excepcional, a subida tem 4 km, mas vale a pena.

Há comércio típico e local, aliás, na praça do Mirador acontecem, em algumas noites, apresentações de danças típicas de Cuenca. Na praça também há uma bela igreja branca que se ilumina de forma muito interessante na parte da noite.

  • Como chegar: via transportes públicos, descer na “Subida Alterna em Turi” e daí caminhar cerca de 2 km;
  • Horários: sempre acessível.

3. Sé Velha de Cuenca

Sé Velha De Cuenca
Sé Velha de Cuenca

O apego à religião católica, aqui trazido pelos colonos espanhóis, ainda é muito sentido em Cuenca, e pode ser visto pela grande quantidade e imponência dos edifícios religiosos.

A Sé Velha de Cuenca foi construída em 1557 e fica no final da mesma praça onde se encontra a nova que, talvez, com a sua grandiosidade, a ofusque um pouco. Na realidade, a velha catedral é também um belo edifício de estilo colonial, com uma fachada muito branca: ambas as catedrais merecem uma visita. A velha catedral possui três altares, um central e dois laterais, de grande beleza.

  • Como chegar: localizado no centro, junto à Plaza de las Flores;
  • Horários: aberto todos os dias das 08:00hs às 18:00hs. 

4. Museu Pumapungo

Este museu em Cuenca oferece uma exposição permanente, dividida em 4 áreas temáticas, através de um caminho que reconstrói a vida civilizacional que habitou o Equador, seu ambiente natural e seus usos e costumes. No museu existe também uma sala de convívio para as crianças.

Próximo ao museu também se pode visitar o sítio arqueológico homônimo: Cuenca é de fato uma cidade de grandes achados para reconstruir a história pré-colombiana das antigas civilizações que ali viveram. Outro detalhe realmente lindo da região são os jardins reconstruídos como os antigos jardins incas.

  • Como chegar: fica um pouco fora do centro de Cuenca, acessível por linha de ônibus em cerca de 20 minutos. A parada Banco Central fica bem em frente;
  • Horários: aberto todos os dias das 09:00hs às 17:hs00.

5. Amaru Bioparque

Cuenca
Amaru Bioparque

Este zoológico em Cuenca não é como todos os outros e vai deixar você realmente bem surpreso: os animais não estão em gaiolas, mas dentro de grandes espaços onde podem se mover livremente.

Este “bioparque” abriga muitos animais do meio andino, salamandras, pumas, ursos, esquilos, pássaros exóticos e até de fora das fronteiras do país.

É muito extenso e, por se tratar de um caminho a ser percorrido em grandes espaços naturais, considere-o como uma espécie de trilha acidentada com duração de cerca de 3 horas. Ideal para crianças que querem se divertir em Cuenca.

  • Como chegar: está localizado fora da cidade de Cuenca, você pode pegar o ônibus até a última parada e depois caminhar por 10 minutos, mas por razões de segurança é melhor pegar um táxi;
  • Horários: aberto de segunda a sábado, das 10:00hs às 19:00hs, domingo, das 10:00hs às 17:00hs.

6. Parque Nacional El Cajas

O Parque Nacional El Cajas está localizado na periferia de Cuenca, em direção à cidade de Guayaquil. É uma área muito selvagem da Cordilheira dos Andes, e para visitá-la geralmente é aconselhável estar acompanhado de um guia andino, a altitude chega a 4000 metros e os nevoeiros repentinos costumam baixar fazendo com que a temperatura diminua.

A área mais acessível e menos difícil do interior é em torno da Lagoa Torreadora, um percurso de cerca de 3 km. A vista desse parque é esplêndida e você também pode conhecer as simpáticas lhamas.

  • Como chegar: fica a 28 km de Cuenca, há ônibus de turismo saindo da cidade. Mas a melhor solução é comprar um tour organizado com transfer incluído;
  • Horários: sempre acessível, mas é aconselhável ir durante o dia para registrar seu nome na entrada.

7. Rio Tomebamba

Cuenca
Rio Tomebamba

O Rio Tomebamba atravessa a cidade de Cuenca como um grande rio de montanha andina Ao longo do seu percurso é possível caminhar praticamente por todo o lado em aterros muito verdes, nem sequer se sentirá na cidade, e, além disso, é atravessado por pontes muito interessantes.

Ao longo do passeio pelo Rio Tomebamba você pode ver muitos lugares característicos da cidade, como a Igreja de San Francesco. Ao final do percurso você chega ao Parque Paraíso, outra área verde para parar antes de retornar.

Cuenca é realmente uma cidade incrível e muito característica do Equador, que merece ser visitada por todos os habitantes da América do Sul que gostam de viajar. Esse foi o nosso pequeno guia com as dicas dos 7 melhores locais da cidade de Cuenca. Monte seu roteiro conosco e aproveite a paisagem. Até a próxima!

Translate »