Dica de destino turístico: Rota do Cacau

Rota Do Cacau
Destinos, Geral, Praias, Roteiros,

Dica de destino turístico: Rota do Cacau

Quer uma dica de roteiro turístico para aproveitar as férias ou o feriadão? Pois bem! Que tal incluir a Rota do Cacau na sua listagem de destinos para viagens? Assim, você poderá conhecer novos lugares e ainda aprender um pouco sobre a história do Brasil e da Bahia!

A Rota do Cacau recebe esse nome pois foi, ao longo da história, um dos principais pontos de produção do fruto cacau no Brasil e no mundo! Por isso, a Rota possui um apelo político e histórico muito forte. Pois bem, quer saber mais sobre? Entaõ descubra aqui com nossas dicas sobre essa opção de ecoturismo!

Rota do Cacau

Também conhecida como Rota do Chocolate, a Rota do Cacau é composta por uma área de preservação que inclui a Reserva da Costa de Icaré e o parque estadual da serra do Condurú. Ambos os espaços possuem uma alta biodiversidade e por isso, são unidades de proteção a serem exploradas com respeito e cuidado. A Reserva da Costa de Icaré, por exemplo, é considerada como Reserva da Biosfera pela Unesco, e por isso, é considerada aqui como um tipo de ecoturismo. Portanto, a dica é aproveitar a viagem para aproveitar o meio ambiente!

A Rota se estende desde Canavieiras até Itacaré, regiões do estado baiano que oferece uma grande oferta de belezas naturais da Mata Atlântica. A Rota percorre cerca de 200km da costa baiana e inclui as seguintes cidades:

  • Itacaré
  • Uruçuca
  • Ilhéus
  • Itabuna
  • Olivença
  • Una
  • Santa Luzia
  • Canavieiras

Portanto, se você pretende percorre a Rota por completo, poderá começar em Itacaré e segui até Canavieiras!

O que fazer na Rota do Cacau?

Existem diferentes pontos turísticos para se aproveitar na Rota do Cacau, desde serras, cachoeiras à orlas de praia e parques de preservação ecológica! Além disso, pela histórica produção de cacau iniciada no século XVIII, é também possível incluir algumas fazendas na rota turística. Alguma delas inclusive, produzem ainda hoje o fruto! Para isso, a dica é buscar informações junto aos postos de informações turísticas em cada uma das cidades ou, buscar por agências de turismo que ofereçam pacotes! Você não vai se arrepender!

Em Itacaré, por exemplo, a dica é aproveitar as praias da oncha, da Ribeira, do Resende e a Praia Tiririca. Junto com Ilhéus e Canavieiras, Itacaré está entre os principais pontos de estadia para os viajantes. Isso porque, é comum inclusive que a viagem entre os municípios ocorra entre 5 e 7 dias. Para os mais aventureiros, por exemplo, é possível percorrer toda a Rota em bicicleta! Essa prática se chama cicloturismo e muitas agências de viagem oferecem essa opção como pacote turístico.

Em Uruçuca a dica são as praias do Pé de Serra e da Barra do Rio Tijuípe. Nela é também possível visitar a Área de Proteção Ambiental Itacaré/Serra Grande e, o Parque Estadual Serra do Conduru.

Em Itabuna e dica é visitar o Centro de Pesquisa do Cacau e as fazendas da região. Em Olivença, as praias de: Batuba, Back Door, Cururupe e Véu de Noiva. Já em Una, a dica é curtir o Ecoparque de Una e as praias de Puxim e Oiticica. Já Santa Luzia oferece, além da história do Cacau, um passado de exploração de diamantes. Assim, a dica é visitar na cidade as cavernas, grutas e a Trilha do Diamante.

Apesar de ser a última cidade, Canavieiras foi onde toda a história do cacau começou! Nela a adica é aproveitar a gastronomia e aproveitar o fim da expedição (ou o começo dela?)

Percebeu que não mencionamos Ilhéus? Pois se você quer saber mais sobre uma das principais cidades que pertencem à Rota do Cacau saiba que preparamos um post exclusivo sobre Ilhéus! Segue o link de acesso:

Translate »