Ecoturismo Trilha Travessia Petropolis Teresopolis

Ecoturismo na Trilha de Travessia Petrópolis x Teresópolis

A famosa Travessia Petrópolis x Teresópolis

O ecoturismo é uma das opções mais crescentes de lazer e turismo nos últimos anos! E nesse quesito, o Estado do Rio de Janeiro oferece diversas opções para aventureiros que desejam fugir dos pontos turísticos mais movimentados nos centros urbanos!

Aqui, recomendamos diversas opções de trilhas para quem quer realizar uma aventura em meio à natureza. Hoje, a dica vai para a trilha de Travessia entre as cidades de Petrópolis e Teresópolis!

Ambas as cidades fazem parte da zona serrana do Estado do Rio de Janeiro, e estão localizadas próximas à capital. Além disso, a vista é privilegiada e o passeio pode agradar a muitos! Acompanhe as dicas separadas aqui para você!

Trilhade travessia Petrópolis x Teresópolis

Ecoturismo Vista Travessia Petropolis Teresopolis
Ecoturismo Vista Travessia Petropolis Teresopolis

A trilha da travessia entre as cidades de Petrópolis e Teresópolis é uma grande atividade para diferentes partes do ano! Assim, para quem não se importa com o frio, é possível realizar nos meses mais frios do inverno quando a trilha estará mais movimentada. Ou ainda, durante o verão também é possível realizar o passeio! A atenção deve ser apenas na intenção de evitar dias de chuva ou nublados. Isso porque nestes dias a vista privilegiada do roteiro poderá estar atrapalhada, além de oferecer grande riscos de tempestades com raios.

Esta trilha é uma ótima opção para quem quer conhecer boa parcela da mata atlântica presente no Rio de Janeiro. Além disso, esse trajeto é considerado um dos mais belos para trekking no Brasil. Essa opção é para aqueles que têm tempo para dedicar-se à viagem pois, a trilha percorre uma longa extensão com muitos altos e baixos, durando em média três dias.

Esta trilha está localizada no Parque Nacional da Serra dos Órgãos. Todo o parque possui diversas opções de cachoeiras, piscinas naturais e trilhas mais curtas. Mas é essa travessia que mais atrai os turistas! Esse projeto de travessia demanda organização, pois a compra de ingressos previamente é necessária para realizar o percurso.

COMO SE PREPARAR PARA A TRILHA DE TRAVESSIA PETRÓPOLIS X TERESÓPOLIS?

A travessia de Petrópolis x Teresópolis exige preparo físico e organização. Há necessidade de acampar e de realizar a compra de tickets para o trajeto. Isso porque no percurso há lugares específicos para se acampar ou, com a opção de alojamento fechado em cabanas com água e cozinha disponíveis. Assim, além dos três dias separados para a trilha, é necessário o carregamento da mochila com roupas de frio, alimentos, água, kit de primeiro socorros e outros utensílios como lanternas, isolantes térmicos, sacos de dormir e talheres.

É necessário bom preparo físico também! A trilha é de nível difícil já que exige muito esforço, pois além dos três dias, a necessidade de se carregar materiais e mochilas cheias de alimentos e outros utensílios pesa durante todo o percurso. Por essa razão, para os que desejam poupar esforços, a dica é contratar os serviços de cabanas para evitar carregar o peso extra das barracas.

Como chegar a trilha da travessia?

A chegada à trilha tem início na cidade de Petrópolis, e é necessário o acompanhamento de guias certificados pelo ICMBio. Os mais experientes poderão realizar a trilha desacompanhados de guias, caso tenham tido anterior experiência na área. Há uma sede para a entrada do Parque da Serra dos Órgãos em ambas as cidades, sendo a sede de Teresópolis mais equipada, com opções de restaurantes e lojas.

 Assim, a dica é encontrar o ponto de encontro de grupos de trilha organizados para iniciar sua aventura! Para chegar à cidade de Petrópolis há diferentes linhas de ônibus que fazem conexão com municípios mais próximos, como Rio de Janeiro, Cachoeiras de Macacu e Niterói. Para os que viajam de carro, a dica é apenas com relação à estrada. A subida da Serra pode ser perigosa para os menos experientes, por contar com intenso tráfego e curvas constantes e sinuosas. Boa viagem!



Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Destaques