Estreito De Magalhaes

Lugares Paradisíacos no Chile: Conheça o Estreito de Magalhães!

O Chile é um local de uma grande diversidade de destinos turísticos. Todo o país possui belezas naturais que incluem desertos, montanhas, vales, rios e uma imensa região costeira! Além disso, há uma grande variedade de fauna e flora a ser observada, descoberta e fotografada! Assim, para os aventureiros com desejo de viajar, não faltam opções para disfrutar no país!

Dentre as diferentes opções turísticas, listamos aqui algumas dicas para quem quer traçar um roteiro alternativo. Apesar de não ser um grande foco turístico, oferecemos aqui dicas para o Estreito de Magalhães! Assim, se você deseja saber o que fazer nessa parte ao sul do continente sul americano, acompanhe aqui as principais dicas e boa viagem!

O que fazer no Estreito de Magalhães?

O Estreito de Magalhães é um marco na geografia sulamericana  por ser o contato entre o Oceano Pacífico com o Oceano Atlântico. Assim, é também conhecido como o limite austral do continente. Assim o trecho apresenta muita história e cultura para os amantes das curiosidades e das histórias de navios. Além disso, há muitas opções para quem quer aproveitar e realizar passeio de ecoturismo. Para tanto, separamos aqui algumas dicas. Informe-se e boa viagem!

Ecoturismo no Estreito de Magalhães

Para os amantes da aventura, a principal dica é o Parque Nacional Pali-Aike, além das reservas  de Laguna Parrillar e  de Magallanes. Outra grande curiosidade para a região é a possibilidade de realizar outro estilo  de passeio turístico:  o agroturismo. Assim, é recomendado as visitar as regiões do Rio Verde, San Gregorio e Laguna Blanca!

Se você deseja um passeio  mais cultural, a dica é a Península de Brunswick ou, a opção de turismo religioso  pelo Santuário de La Virgen de Monserrat. Para tanto, recomendamos o passeio no segundo domingo do mês de Janeiro, quando ocorre a  procissão religiosa de liturgia, desde Punta Arenas atpe Seno Skyring.

Ilha Magdalena

Aos que querem realizar passeios na região da costa, a dica é a navegação à Ilha Magdalena! A Ilha possui a segunda maior colônia de pinguins de Magalhães e para os que a visitam é possível caminhar junto aos animais! Assim, esta é uma forma de conhecer de perto o Monumento Natural Los Pinguinos, área silvestre da região. Na ilha então é possível observar a vida da fauna do extremo sul da Patagônia!

Para tanto, procure empresas que realizam o translado e não esqueça da câmera fotográfica!

Bulnes Fort

Este é o marco de formação e da posse do Estreito de  Magalhães, em 1843. Hoje o Forte Bulnes é um grande atrativo turístico à beira mar, oferecendo atrações turísticas e o Monumento da Goleta Ancud do Capitão de Fragata Juan Guillermos! A quem deseja conhecer mais sobre a história, arquitetura da região e do período colonial, esta é uma passagem obrigatória!

Outras dicas valiosas:

Para quem quer conhecer ainda mais sobre a história da região, recomendamos também o Museu Nau Victoria! Nele é possível conhecer a réplica do Navio Beagle HMS de Charles Darwin, usado na expedição do cientista!

Caso esteja com tempo e de passagem, outra dica é conhecer também o Museu Salesiano, em homenagem a história e honra dos missionários salesianos à época da atracação e posse de toda a ilha.

Por fim, é bom saber que a cidade mais próxima e importante de toda a região é Punta Arena e nela estão localizados ambos os museus. A cidade oferece boas acomodações, boas opções gastronômicas e além disso, pode receber visitas durante todo o ano, basta apenas se preparar para o frio.

Se possível, conheça também a cidade vizinha Puerto Natalis e todo seu charme interiorano e nela, poderá conhecer o Parque Nacional de Torres del Paine e toda sua fauna e flora! Boa viagem!



Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Destaques
Translate »